História da Moda Feminina: A Calça.

Vamos falar um pouco de história da moda?


A gente vive a era mais democrática da história da moda no mundo, em que somos livres para escolher e usar absolutamente tudo da maneira, e da forma que quisermos. Onde não existe uma tendência mundial que rege uma década inteira, como antigamente, nem existe regra do "certo ou errado". Mas nem sempre foi assim, pois até a metade do século passado mulheres não podiam usar calças, elas eram consideradas inapropriadas e eram itens exclusivo do guarda-roupa masculino.


A primeira mulher a vestir calças masculinas foi Fanny Wright em 1825. Ao final do século XIX as mulheres começaram a usar calças no trabalho industrial, mas ainda sim eram vistas como inapropriadas porque marcava as formas femininas e atentava ao decoro.


Coco Chanel foi a primeira estilista a criar a calça comprida para mulheres na década de 20. A calça de Chanel foi inspirada nos marinheiros, e aderida por muitas mulheres influenciadas pelas atrizes famosas.




Somente nos anos 30 elas eram mais aceitáveis e mais amplamente adotadas. Um dos pontos marcantes nessa história foi quando a atriz Marlene Dietrich apareceu em uma cena do filme “Morocco” vestindo calças e um paletó, chamando a atenção no universo do cinema. Com o ápice da Segunda Guerra Mundial, logo em 1939, as mulheres pegaram pesado no trabalho e a calça se tornou peça necessária no uniforme. Com o fim do período de Guerra, as mulheres estavam buscando novidades para o modo de vida e logo foram se espelhar no estilo de grandes atrizes dos filmes da época.